Arquivo da tag: Naná Vasconcelos

boa ciranda para o dança vida

Para quem ainda não conhece, o Dança Vida é o grupo de dança dirigido pela psicóloga, dançarina e coreógrafa Paula Vital. Como se fosse pouco, o trabalho da Paula é muito maior. Há 15 anos atrás, ainda estudante, ela começou literalmente na rua: estacionava seu carro em comunidades carentes de Ribeirão Preto, colocava som na caixa e em meia hora estava rodeada de crianças acompanhando seus movimentos, improvisando coreografias. Ela fez da dança seu  instrumento de trabalho pela inclusão social. E de lá pra cá, é o que melhor tem feito por milhares de jovens que já foram beneficiados, entre tantos que se tornaram multiplicadoras do programa, e desde 2007 com o estabelecimento da Cia. Experimental Dança Vida.

Em 2006, fizemos o cenário do espetáculo Corpos de Luz que foi apresentado aqui em São Paulo, no Centro de Cultura Judaica, inspirado no livro A Terra de Mil Povos de Kaká Werá, com trilha composta por Naná Vasconcelos. Foi mesmo show! Estávamos diante de um trabalho profissional em todos os aspectos, principalmente pelos bailarinos livres, leves e soltos do estigma de jovens de risco social. A verdadeira inclusão já havia cumprido seu papel e virado esta página em suas vidas.

corpos03

corpos06

Continuamos mais amigos e apoiadores do Dança Vida. Em 2007, doamos todos os móveis que criamos para a Casa Cor para a companhia, imaginando que a renda da venda pudesse ser revertida e desse um impulso importante especialmente no projeto de construção da sede própria. Organizamos um leilão e não tivemos grande sucesso.

Semana passada, o Marcelo foi a Ribeirão assitir ao novo espetáculo e tivemos mais uma tentativa fracassada de angariar fundos através da venda dos móveis. Só que a ciranda virou à nosso favor: não vendemos os móveis, ficou evidente que seria muito mais eficaz divulgar a Cia. em Ribeirão mesmo, e por contatos feitos lá, no  próprio dia da venda frustrada dos móveis, o núcleo de Ribeirão Preto da Associação Brasileira dos Decoradores  junto com a Inês Aquino (proprietária da Loja Design Brasil) propuseram criar um projeto para a sede, a ser apresentado para a Secretaria Municipal de Cultura de Ribeirão Preto que já demonstrou a intenção de  instalar num  prédio tombado da cidade. Final feliz: os móveis cumpriram sua função e com certeza o lugar deles será decorando a nova sede!

4p

5

(… por causa do Corpos de Luz, conhecemos o Kaká Werá, que tonou-se amigo e parceiro de trabalho, que fez o Dalva e Dito com a gente e que está no projeto da nova loja da Micasa…., mas isso já são outras cirandas das cirandas!…)