Arquivo da tag: carroceria de caminhão

ROSENBAUM RESPONDE – bate-pronto!

O Lar Doce Lar 32 que passou nesse sábado foi um dos que mais comentários recebeu aqui no blog. Então, vai lá, de bate-pronto, o que todo mundo quer mais saber sobre a casa da família Sanches:

O papel de parede do quarto do casal, qual é? É da Coleção Grafismo, Rosenbaum® para Bobinex, Linha Mata, padrão Folha, referência 1816.

*

O lustre da sala é da Tok & Stok? Sim, é o lustre Barrock Tok Stok , de vidro e miçangas, cor branco – incolor.

*

Que telha foi utilizada? A Gravicolor cor café da Brasilit.

*

E o banheiro azul (um dos grandes hits da vez!), que pastilhas são aquelas? Criamos essa paginação especial com as pastilhas Jatobá 5X5cm, azul Viscaya JD 4810, azul Copacabana JD 1816 e azul Alaska JD 4100.

*

Como foi feita a pintura arte da sala? Foi feita com stencil (que é aquela técnica que se pinta sobre um molde vazado que pode ser feito até em papelão), com Spray Multiuso da Suvinil Marrom.

composição que usamos na parede da sala

pinturaarteSALA

arte do stencil, que é um desenho nosso inspirado nas Carrocerias de Caminhão

pinturaarteSALA2

*

E o restauro do bercinho do Samuel? Primeiro precisa lixar a madeira até ficar fosca, limpar bem o pó e aí sim aplicar o spray, em movimentos uniformes, a uma distância de uns 25cm da superfície.

*

Que tinta foi usada no berço? É o Spray Multiuso, da Suvinil, cor azul bebê – dá pra ver a cor na tampa da lata.

*

Como foram feitas as nuvens do quarto do Samuel? Nós desenhamos nuvens, de formas irregulares, em pedaços de papéis de parede diferentes, com motivos infantis, e aplicamos na parede pintada de azul.

*

Anúncios

notícias: arc design

teste2

teste3

teste4

teste6

Maria Helena Estrada
Uma característica do Marcelo? Não acontece de fazer apenas um trabalho para um novo cliente. Depois do primeiro projeto, este se apaixona e logo surgem outros. Do mais novo restaurante da moda a uma participação de grande audiência na TV Globo, passando por alguns dos mais chiques endereços comerciais de São Paulo, sua cidade, e do Brasil. E o emotivo Rosenbaum de Coração, nome do seu spot diário no programa de rádio Manhã da Globo. Vale um passeio…ou um mergulho em tamanha versatilidade.
As ondas que cortam esse ziguezague de expressões têm a cultura popular brasileira como pano de fundo. Maracatu, Iemanjá, carrocerias de caminhão, a chita e a renda são motivos recriados para louças e revestimentos; o labirinto e a renascença, rendas nordestinas, se transformam em padronagens, da mesa ao sofá. As histórias de Marcelo são assim: um cozinha na Casa Cor teve uma de suas paredes coberta por um papel impresso com o tema labirinto; uma empresa nacional de MDF se interessou em produzir, uma grande cadeia de lojas gostou do novo material e a meada foi se desenrolando…
A realidade efêmera das cenografias, principalmente no SPFW – baú de memórias e caixinhas mágicas de futuros -, são espetáculos que nos enriquecem muito mais do que os próprios desfiles. Parece que o mundo e seus zilhões de símbolos se abrem à disposição do criador. Basta lembrar as concepções do arquiteto para os lounges da Fiat, Oxford, Melissa, Diesel, entre outras marcas de prestígio, que recepcionaram seus convidados em ambientações de uma brasilidade plena de surpresas.
Mas que Rosenbaum realmente sonha é desenhar o móvel popular, barato, durável, na proporção certa para o tamanho das casas… e bonito! Não com os padrões de beleza do “fino e chic”, mas aquelebonito singelo, talvez bem colorido, talvezx cheio de brilho – ou não. Nada de estétic imposta, mas, sim, assimilada. Um móvel capaz de tocar o coração.

teste7

teste8

teste91