Arquivo do autor:bia villarinho

salve jorge!

Eu andarei vestido e armado, com as armas de São Jorge. Para que meus inimigos tendo pés não me alcancem, tendo mãos não me peguem, tendo olhos não me enxerguem, nem pensamentos eles possam ter para me fazerem mal. Armas de fogo o meu corpo não alcançarão, facas e lanças se quebrem sem ao meu corpo chegar, cordas e correntes se quebrem sem ao meu corpo amarrar. São Jorge, cavaleiro corajoso, intrépido e vencedor. Abri os meus caminhos. Ajudai-me a conseguir bom emprego. Fazei que eu saiba estimar a todos, superiores, colegas e subordinados, e também ser estimado. Que a paz, o amor e a harmonia estejam sempre no meu coração, na minha família, na minha escola e no meu trabalho. Velai por mim e pelos meus, protegendo-me sempre, abrindo e iluminando os nossos caminhos, ajudando-nos também a trasmitir paz, amor e harmonia a todos os que nos cercam. Amém.

Anúncios

o arquiteto descalço

Essa matéria da Revista Florense de Arquitetura traz Johan Van Lengen, conhecido também como o arquiteto descalço. Bioarquiteto holandês, residente no Brasil, ele é o autor do livro Manual do Arquiteto Descalço, publicado em 2008 pela editora Emporio do Livro, que mostra de maneira bem didática técnicas e maneiras de construção em harmonia com a natureza. Ficam as dicas de leitura.

“O  holandês Johan Van Lengen morou mundo afora e chegou ao Brasil nos anos 1960, encantado com o modernismo de Brasília. Pai da bioarquitetura, defende projetos que interajam com o meio ambiente de forma mais racional e prega, às vésperas de completar 80 anos: “temos que mudar os arquitetos”.”

Clique nas imagens para ler a matéria completa.

Por Beto Rodrigues, Revista Florense Arquitetura, outono 2010, n 25, ano 7.

caruaru no pavilhão das culturas brasileiras

Acontece hoje a abertura da exposição Puras Misturas, que anuncia a criação do Pavilhão das Culturas Brasileiras, futuro novo museu dentro do  Parque Ibirapuera (SP), em um prédio do Niemeyer anos 50.

A mostra, de acordo com a curadora Adélia Borges,  é uma celebração da riqueza e da diversidade da cultura brasileira, apresentando peças e um diálogo entre arte erudita, popular e indígena.

Na entrada do Pavilhão, está montada uma instalação com 65 banquinhos (dos 88 que se revezarão durante a mostra), de variados formatos e materiais, onde os visitantes poderão sentar. São bancos feitos por povos indígenas, comunidades de várias partes do país, artesãos e designers – entre eles Sérgio Rodrigues, Carlos Motta, Michel Arnoult, Nildo Campolongo, Claudia Moreira Sales, Lina Bo Bardi, Marcelo Ferraz e Marcelo Suzuki.

A nossa Banqueta de Tela, da Linha Caruaru (que na imagem aí de cima aparece ao lado da Poltrona de Tela), está nesse módulo e foi doada para fazer parte do acervo do futuro museu. Fica a dica do passeio, de visitar a exposição e sentar-se à vontade.

caruaru no mercosul

Os móveis inspirados na Feira de Caruaru ganharam chão e, do agreste do Pernambuco, chegaram ao Mercosul.  A Linha Caruaru, criada em 2009 para a Micasa e produzida pela Artefama,  foi vencedora do prêmio Salão Design Móvel Sul 2010, na categoria móveis, modalidade Indústria, semana passada  em Bento Gonçalves-RS. E por isso automaticamente está concorrendo para o Prêmio Design Merscosul que acontecerá no final do mês de abril, no Uruguai. Fica a torcida e um obrigado para todo mundo que constroi todo dia o patrimônio cultural do Brasil.

Veja mais sobre a Linha Caruaru: o convite, a exposição, a trilha, o vídeo, o catálogo, as xilogravuras de J.Borges, o falatório, na Micasa.

manuelitos rosenbaum para brascor

Foi lançada em março, a linha de móveis que criamos para a Brascor: um armário, um rack e uma mesa inspirados no estilo Manuelino. Tido como uma variação portuguesa do estilo gótico, o estilo Manuelino desenvolveu-se no reinado de D. Manuel, tem presença marcante na história do mobiliário português e mundial e foi totalmente incorporado na nossa história de Brasil Colonial.

A nossa proposta é de uma interpretação do estilo Manuelino, com a tradução de suas proporções, raciocínio de construção e sofisticação de relevos e encaixes. Isso usando um material contemporâneo e altamente tecnológico, que é o Magic Stone da Brascor, e os recursos  da técnica de termo moldagem das chapas que o material possibilita.

O lançamento da linha Rosenbaum para Brascor Countertops foi durante a Kitchen & Bath Expo, que aconteceu em São Paulo, agora em março.

rack: altura 45cm, profundidade 45cm e largura 1m65cm

armário: altura 1m33cm, profundidade 45cm, largura 82 cm

mesa: altura 34cm, profundidade 1 m, largura 1 m

festival da construção leroy merlin

O tabloide Festival da Construção Leroy Merlin está nas lojas de todo Brasil. Para essa edição, criamos o Vida Nova em Construção, que é o projeto de um espaço de trabalho que também pode virar um novo projeto de vida.

O sonho de trabalhar perto de casa. Cada vez mais gente tem e com mais razões para ter: que vão desde conforto e segurança até as questões fundamentais (e urgentes!) ligadas à sustentabilidade do nosso planeta. O lado bom é que a realização pode estar muito perto, por que não no quintal da sua casa. Apresentamos um projeto, usando como referência uma área de 5m X 8m, de um espaço compacto e funcional, que integra salão, biblioteca, cozinha, mezanino e banheiro; com telhado verde e aproveitamento de água por sistema de cisterna. Adaptável para um bom escritório, ateliê ou oficina, a menos de dois minutos a pé da sua casa. Mais que um novo endereço profissional, uma mudança de vida que, de cara, já traz ganhos de praticidade e organização para trabalhar, escolhas de respeito com os recursos naturais, conforto térmico e segurança. Uma proposta tentadora para você construir sua mudança e trazer mais qualidade para sua vida profissional e pessoal. O restante você segue construindo com o seu talento. Bom trabalho.

Dicas:

-O painel de blocos de vidro ilumina a escada, deixando seu uso mais seguro, e traz luz natural para o salão e para o mezanino. Fica bonito e econômico.

-O espelho d’água é um ótimo recurso para dividir a área de trabalho da área de serviço, segmentando o espaço sem perder a visibilidade e sensação de amplitude do ambiente integrado. Fora que para quem está trabalhando a água já traz um conforto.

Bricolagem:

-Para montar os bancos, é simples e rápido: a base é um kit sapata de vergalhão e o assento recortado na medida de uma chapa de tetrapack.

-Os mesões  de trabalho acompanham: com estrutura de vergalhão de aço e tampo de compensado pintado com tinta branca.

-O mural de referências é feito de tela de aço leve, pintada de branca, soldada na parede.

-O corrimão da escada e o guarda-corpo do mezanino são feitos de vergalhões e 19mm e 10mm, pintados de branco.

¨

¨

ROSENBAUM RESPONDE – e-mail fsc

Para encomendar pranchas ou quem quiser entrar em contato com o pessoal do Favela Surf Clube, o e-mail deles é  favelasurfclube@gmail.com